Aqueles que não acreditam em mágicas, nunca irão encontrá-la.

sábado, 22 de junho de 2013


Hoje fui ao Asilo.E como das outras vezes meu coração fica tão triste.Mas cada sorriso que consegui ver naqueles rostinhos me dão um grande conforto.E hoje também conheci D.Inês.Maria Inês da Costa Vieira, como ela faz questão de dizer.Quando me aproximei dela me disse que estava muito triste, perguntei o porque.E ela me contou que os filhos deixaram ela ali e não vêm nunca visitá-la.Eu a abracei e senti a mãozinha dela no meu rosto, sabe o que ela me disse:"Eu não te conheço, mas sei que sua alma é bonita."Owwwwnnn D.Inês são seus olhos que me vêem assim...Toma ai meu coração.A senhora o têm.
Triste hoje, mas em paz por ter ido visitar meus velhinhos.
Você conseguiria me responder, sem querer criticar,
 como um (uma) filho (a) consegue abandonar seu pai ou sua mãe, num asilo?
By Cris.