Aqueles que não acreditam em mágicas, nunca irão encontrá-la.

domingo, 30 de março de 2014

To bem, obrigada!


Não é drama, nem exagero.Sou eu.Cristina Aparecida da Silveira e Silva, com este nome que me acompanha à 59 anos e que aprendi a gostar,de tanto escrevê-lo.Não queria Aparecida, mas minha mãe dizia:"Que é isso, ta loca menina?!Nossa Senhora Aparecida é sua protetora!"E eu pequena e curiosa:"Ela é minha madrinha mãe?!"  Vai ver que é por isso que sou assim... afilhada de Nossa Senhora?! Toda querendo ser certinha, políticamente correta, crendo em tudo que é simpatia, acreditando até nas pessoas, vai vendo!!!E não querendo machucar o coração de ninguém.Me dou super bem com o amor.Às vezes tenho receio quando novas pessoas entram em minha vida, mas depois viro criança, quero que entre, sente, sinta-se à vontade, quero dar meus brinquedos, minha outra metade do pacote de biscoitos.Mesmo que eu tente esconder, mesmo tentando disfarçar, tudo em mim é intenso, sinto tudo demais. E é por isso que às vezes as coisas doem tanto e choro tanto.Ah, mas não pensem que to triste comigo não, eu vou dizer de coração que sou do bem, que quero o bem, o meu bem e o seu bem.
E desta vida não quero perder nada, quando dou minhas pedaladas pela avenida vou decorando rostos, ouvindo sorrisos e achando lindo todo tipo de delicadezas que encontro por lá.
By Cris.