Aqueles que não acreditam em mágicas, nunca irão encontrá-la.

terça-feira, 16 de agosto de 2011

Cada pensamento é uma força

Esta semana que passou foi barra!
Passei por um mal estar e acabei tendo que ir para o Hospital.
E o pior, estou em São Paulo e hospital aqui é coisa... grande, monstruosa, labirinto...
Qdo o médico disse que eu poderia estar pior do que eu pensava, me desesperei, chorei, tive uma espécie de pânico, minha filhota me deu um chacoalhão, "Mãe, vc é uma mulher ou um rato?" E foi falando, e eu chorando, queria ir embora p/a casa, ela disse"Isso, vai! Faz como vc sempre fez, foge!" E de repente comecei a chorar de novo,ela continuou:" Chora, põe pra fora toda essa dor, ou o que for que vc esteja sentindo" E de brava que estava, começou a me dizer coisas que foram se encaixando... Ironia do destino, não? Sei lá, minha bebê é meio bruxinha, sabe das coisas.
E lá fomos nós, mãe e filha, lado a lado, a mãe chorando, e a filha falando...
A semana foi passando, ela foi parceiraça!!!
No primeiro dia assistimos o DVD " O SEGREDO" , ela trouxe cartolinas brancas, revistas  e nós tres, eu ela e Guigui, recortamos e colamos figuras que nos fazem lembrar todos os dias, aquilo que mais queremos p/a as nossas vidas! Foi muito legal!
E ela me deu todos os motivos do mundo p/a que eu acreditasse que ela me ama muito, ficamos toda a semana andando por aquele hospital...
E linda
 como ela só, em cima do salto, conquistou o hospital com a sua simpatia, o enfermeiro se apaixonou, babava qdo a via, não tinha como ele disfarçar que estava encantado, a enfermeira, de bravinha e gordinha mal amada, ficou super amiga nossa, amiga mesmo, de beijinhos e sorrisos, a recepcionista, grossa e mal humorada(impressionante) hoje chegamos lá, ela nos sorriu e me atendeu, mesmo eu estando atrasada, a garota que faz os exames, adiantou os meus, super fofa, eu disse:" Ai que bom, não vejo a hora de voltar pra casa, obrigada", e ela:"Imagina, você merece linda!".
No Laboratório, foi pedido muuuitos exames, e só ficariam prontos dia 23, mas... conseguimos tbém que elas adiantassem os resultados, o enfermeiro que ia tirar meu sangue, chamou um "especialista em agulhas" (tenho veias bem fininhas, difícil de pegar), e juro, nem senti.
Risos... O engraçado é que nos primeiros dias, qdo me viam chegar, sorriam e diziam"D.Cristina, tudo bem? Tá mais calma?"
Qdo fazia esteira, o médico cardiologista que me atendeu entrou na sala batendo forte na porta, a enfermeira" Ai que susto doutor!" e ele:"Oi D.Cristina!Ta mais calma?" E conversamos, ele todo sorridente, disse pra Vanessa:"Você é das minhas menina! Decidida, assim que eu gosto!"
E assim foi minha semana "hospitalar" , o que parecia ser uma tragédia está se tornando um alívio , pelo menos os exames estão sendo feitos, estou mais tranquila, mais confiante e o mais importante, não sou um rato... sou uma mulher!

Beijos filha, obrigada por vc ser tão especial!!!

BY CRIS